09 November 2011

EstUSPidez

por nada... mas há uns dois meses, mais ou menos, todos reclamavam da falta de segurança na USP-SP, inclusive com um caso de assassinato e vários assaltos. Me lembro nitidamente de todo mundo criticar o fato de a policia não estar ali presente...
Então, a policia aparece, e um bando de filhinho de papai, vestindo GAP e afins e fumando com o dinheiro da mesada, quebra tudo (aquilo que nós pagamos) sem causa alguma, ou pior, alguns alegando que o lugar da polícia é atrás de bandido (e será que eles por alguma vez pensaram na possibilidade de que eles próprios possam estar contribuindo com os citados bandidos?).
Contra a opressão dos militares? Sempre!
Mas... faça-me o favor essa (pouca) criançada da USP-SP... sou totalmente a favor de levarem é muita borrachada... e não é de Raider.
E se existir mesmo alguma causa que justifique tanta estupidez e a mídia estiver manipulando, que digam, que mostrem de alguma forma à sociedade, com atitudes verdadeiras, e não com demonstrações de rebeldia sem causa!

Complemento

‎"Em um País em que, infelizmente, a inclusão digital ocorre antes da inclusão moral e cívica" - Retirei esse trecho de um post no Facebook, vindo de um defensor dos estudantes. E me fez pensar:
Graças a tal inclusão digital citada, hoje o cidadão tem (por enquanto) poder de ser ainda mais forte do que a mídia manipuladora que sempre conhecemos nesse país. Infelizmente não é o que eu vejo nesse fato lamentável... Se existe alguma causa real e concreta por lado dos estudantes, algo está falhando na comunicação. Isso fica evidente quando vemos que entre milhares de estudantes (são 9.567 em vagas a cada vestibular), apenas 2.000 concordaram com a paralisação das aulas em protesto as ações da polícia.

Há meses os estudantes chilenos vivem dias tensos em protestos e confrontos. Porém, lá o objetivo é claro: Melhores condições da educação. Fica a dica.


No comments:

Post a Comment